Nostalgia

NOSTALGIA
(francês nostalgie)
s. f.

1. Tristeza profunda causada por saudades do afastamento da pátria ou da terra natal.

2. Estado melancólico causado pela falta de algo.

 

Nostalgia é isso aí, aquele nó na garganta e aperto no peito, enquanto ao mesmo tempo se exibe um leve sorriso no rosto e um brilho no olhar.

 

 

Poucas lembranças de Volta Redonda… Brincar de casinha com a minha mãe, Frutilli de Morango na padaria da esquina, comer só a carne moída dos pastéis do sr. Aloísio, andar na bicicleta de rodinha rosa na pracinha. Eu confesso, queria mesmo era dançar lambada! E a Tia Helena? Minha segunda mãezinha que me visitava mensalmente.

  

 

Saudade tremenda dos tempos de São José dos Campos! Ahhhh que vida boa, foi lá que aprendi a importância de ter amigos, saudade das brincadeiras na rua até tarde da noite, ainda relembro meus pais reunidos em longas conversas com a vizinhança. Foi lá que tentei recriar o Castelo Ra-Tim-Bum, me apaixonei pelos Power Rangers (eu era a amarela!), resolvi fugir de casa e cheguei no máximo ao bairro vizinho. E os Mamonas Assassinas? E as festinhas da rua? Ahhhh, minha casa da Barbie quase completa, com todos aqueles móveis cor-de-rosa que guardo até hoje.

Férias em Copacabana e Minas Gerais… sempre e sempre. Quase o quintal de casa.

 

 

Mudar pra Jaraguá do Sul me fez aprender algo extremamente importante: o mundo não sou só eu! Família grande aqui, primos por todo lado… Dividir, amar e cuidar. E pensa que foi fácil? Que nada! Datas comemorativas passaram a ser esperadas com ansiedade. Papai Noel no Natal, Coelhinho na Páscoa, férias em Curitiba… Passeios e mais passeios.

 

 

E depois veio a adolescência… Aquela galera doida que me fez curtir cada minuto. Cartas, ligações, abraços, amores, shows! Até hoje guardo essas lembranças numa caixinha. Se não fossem eles, o que teria sido de mim? Quem sabe eu tivesse realmente me transformado numa dançarina de lambada, vocês tem noção do tamanho do prejuízo? Um salve ao rock que me mostrou o outro lado da vida, e aos meus parceiros de copo, de show e de vida! Ahhh o Terceirão!

 

 

 

Saudade até da faculdade, que acabou a dias atrás… Das aulas que me fizeram pensar em tudo que eu sou e em tudo que eu quero ser. Saudade do desenvolvimento visível e latente.

 

 

Nostalgia é dádiva. Sentir saudade do que é bom não dói, não maltrata. O que incomoda um pouco é saber que não volta mais… Então um salve pra toda essa minha vida, que me faz uma nostálgica feliz.

 

Ao som de Rolling Stones – Wild Horse

 

 

 

 

Anúncios

3 comentários

  1. Dida · julho 5, 2010

    Adorei o seu post, mas saiba que mesmo com essa saudade que sempre vamos sentir dos velhos e bons tempos, os bons e velhos amigos sempre estarão aqui para te consolar com sinceras palavras de conforto ou apenas um forte e importante abraço!
    Adoro-te de montão!
    Beijão da sempre amiga… DIDA!

  2. Aninha · agosto 4, 2010

    Lembro qdo vc veio pra Jaraguá… A minha casa era do lado da sua. O Pingo era o cachorro mais fofo do mundo. Brincavamos de bicicleta, boneca, casinha…
    Uma vez um passarinho bateu na grade de arame e morreu, fomos correndo ver, pegamos ele e colocamos dentro de um saquinho plastico e enterramos…saímos correndo contar p/ nossas maes. (qdo lembrei disso dei risada, mas naquele dia ficamos triste)
    Logo vc mudou p/ Ribeirao Grande e aí surgiu ‘O Almoço de Domingo’, uma vez na sua casa, uma vez na minha… Um dia ficamos a tarde toda tomando banho de rio.

    Tempos que nao voltam, mas que vamos lembrar para sempre, pois coisas assim nao saem do coraçao.

    Bjos para vc minha amiga…e tbm para tia Delfi e tio Vani.

  3. Carol · agosto 9, 2010

    Saudade tb…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s