Fever.

Buddy Guy. Lembrei-me do nome, achei a música, joguei na playlist, coloquei para repetir incansavelmente. No one can love you, the way that I do. Sempre. Ninguém, ninguém mesmo, acha que o amor que outro sente pode ser tão forte quanto o seu. Ninguém. Eu sei.
I want you to take my heart away. Pode levar, é seu. Não deveria, o meu é meu, o seu é seu, e eles só pertencem um ao outro quando é pra dançar. Não adianta, não é assim. Não é! O meu é seu, o seu é de outra. Ou não. Não sei.
When you got me, Lord you got me. E eu nem sei o que fazer. Farei nada. É inútil. Eu só sei que ninguém te ama como eu. Só sei.
Buddy Guy, não me estrague, não me desconserte. Eu dei meu coração, agora ele não vai me dar outro em troca.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s